quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Ninguém tira!

As sensações espalham-se na alma como cometas que atravessam os céus cravejados de estrelas, e rastos de sonhos perdidos na imensidão de um suspiro... e um suspiro purifica a alma, dá energia ao sentimento e ilumina qualquer sorriso! Nesta estranha conjugação de factores e sensações dá-se o extraordinário: somos felizes! Podemos ser felizes durante o milésimo de segundo que tudo isto dura; mas já é nosso! Ninguém tira!

Sem comentários: