terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Procurei-te

Procurei-te! Deixei-me estar, ali, estático, admirando o horizonte. Não me movi por um segundo que fosse, não fechei os olhos nem uma vez! Ali fiquei, a olhar o fundo, a distância, a sentir os movimentos da água que mesmo à minha frente brincava com a areia! Sentia tudo o que se passava à minha volta; conseguia perceber a mínima alteração do sopro do vento! Atento, como sempre. E procurei-te! Desejei sentir-te ali perto, em direcção a mim! Tive inveja das gaivotas que se abraçaram a mim em voos rápidos e que no ínfimo do segundo cruzavam a nuvem! É que de lá de cima vê-se muito melhor! Como já disse hoje "voei em forma de sonho" e procurei-te lá dentro, mas sabia que não te encontraria! Senti a tua mão roçar ao de leve na minha, senti-me observado, senti que o teu olhar me abraçava... e acordei na tranquilidade daquela praia, em conforto com a Alma, em Paz com o meu mundo! Sim, eu procurei-te, mesmo sabendo que não estarias lá!

1 comentário: